Quinta, 26 de Maio de 2022
15°

Alguma nebulosidade

São Paulo - SP

Saúde Saúde

O que diminui as chances de engravidar?

Muitos casais sonham em se tornar pais, porém até chegar ao momento certo e concretizá-lo, grande parte deles se previne para evitar uma gravidez fora de hora.

27/04/2022 às 03h27
Por: Redação Fonte: Artigo escrito pela Agência WSI Digital Marketing
Compartilhe:
O que diminui as chances de engravidar?
O que diminui as chances de engravidar?

Muitos casais sonham em se tornar pais, porém até chegar ao momento certo e concretizá-lo, grande parte deles se previne para evitar uma gravidez fora de hora. Contudo, o que poucos sabem é que 15% da população em idade reprodutiva tem problemas ou alguma dificuldade para alcançar esse objetivo.

Isso ocorre devido a uma série de fatores que diminuem as chances de engravidar, sendo que alguns ainda são desconhecidos por parte da maioria das pessoas e até curiosos. Para ajudá-los a entender melhor, separamos alguns dos principais pontos que podem ser um empecilho e dificultam para uma mulher se tornar mãe.

Veja também: Qual a probabilidade de engravidar na primeira vez?

5 FATORES QUE REDUZEM AS CHANCES DA MULHER ENGRAVIDAR 

Obesidade

Um dos principais problemas dos países desenvolvidos, a obesidade pode reduzir e muito para as mulheres as chances de engravidar. Segundo o Ministério da Saúde, atualmente 51% da população no Brasil sofre com excesso de peso. 

Esse grande mal que pode afetar a fertilidade da mulher, além de interferir na longevidade e na qualidade dos óvulos, pode fazer com que o ciclo menstrual sofra irregularidades, o que leva a uma ovulação não efetiva e à alteração na receptividade endometrial, fazendo com que fique ainda mais difícil a implantação do embrião e aumente as chances de abortos. 

Para evitar que isso ocorra e evite diminuir as chances de engravidar, é recomendado manter uma alimentação balanceada e uma rotina regular de exercícios. 

Genética

Outro ponto que pode diminuir as chances de engravidar está relacionado com alterações genéticas em seu conjunto cromossômico, o que pode causar a infertilidade da mulher. Outro problema que pode ser desencadeado devido a essa alteração é o aborto de repetição, que após o terceiro consecutivo pode ser considerado um fator importante a ser analisado por um especialista.

Para evitar que esse tipo de problema ocorra, a mulher precisa buscar um tratamento de reprodução humana assistida, assim como um diagnóstico genético pré-implantacional, para que possa ser feita uma investigação no embrião, permitindo que somente aqueles que estejam geneticamente normais sejam transferidos.

Medicamentos

Mesmo em alguns casos os medicamentos sendo necessários, eles podem ser um dos fatores que reduzem as chances de engravidar. Por isso, é extremamente importante que a mulher fique atenta e relate ao médico, caso esteja querendo engravidar, todos os medicamentos que tomou ou está tomando no período.

Isso acontece, pois alguns medicamentos, assim como os remédios de depressão, podem ser extremamente prejudiciais, causando até mesmo alteração no ciclo menstrual, expondo a mulher a outros riscos que podem interferir nesse processo.

Álcool e excesso de cafeína

Para a mulher que está querendo se tornar mãe, um dos principais pontos para não interferir nas chances de engravidar é evitar o consumo em excesso de álcool e  bebidas que contenham cafeína.

Bebidas alcoólicas podem ser prejudiciais à fertilidade da mulher, embora ainda não esteja claro quais fatores podem levar a esse problema. Segundo uma pesquisa, mulheres que bebiam três taças de vinho por semana tinham a capacidade de ter uma gravidez bem-sucedida em até três anos reduzida a 30%, já as que não faziam o consumo de álcool as chances de engravidar eram de 90%.

Por sua vez, a cafeína, que é bastante presente no dia a dia das pessoas, também pode ser um dos fatores que podem afetar a ovulação, tornando mais difícil que haja a concepção. Desta forma, é muito importante ingerir essas bebidas com moderação e introduzir na rotina outras bebidas como chá, água e sucos naturais.

Idade

Outro fator que também reduz as chances de engravidar é a idade, isso tanto para mulheres quanto para os homens, podendo ser um fator de grande influência. Estima-se que as chances de reprodução diminuam a partir dos 35 anos, sendo que aos 40 anos, a mulher tem apenas cerca de 20% da sua capacidade reprodutiva e, aos 43, apenas 1%.

Já no caso dos homens, a alteração na qualidade do sêmem começa a se modificar a partir dos 40 anos, o que faz com que o seu percentual caia para 50% e continue diminuindo ano a ano.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
São Paulo - SP Atualizado às 05h18 - Fonte: ClimaTempo
15°
Alguma nebulosidade

Mín. 13° Máx. 26°

Sex 27°C 14°C
Sáb 28°C 14°C
Dom 29°C 16°C
Seg 25°C 17°C
Ter 23°C 16°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes