Sexta, 22 de Outubro de 2021
13°

Céu encoberto

São Paulo - SP

Cultura Tocantins

Festa da Colheita do Capim Dourado evidencia tradição e cultura quilombola

Com apoio do Governo do Tocantins, festa ocorreu entre os dias 17 e 19 de setembro e antecede período de colheita do Capim Dourado

20/09/2021 às 13h26 Atualizada em 20/09/2021 às 14h09
Por: Redação Fonte: Secom Tocantins
Compartilhe:
Colheita ocorre uma vez por ano - Foto: Flávio Cavalera/Governo do Tocantins
Colheita ocorre uma vez por ano - Foto: Flávio Cavalera/Governo do Tocantins

Em meio às veredas do cerrado, as mãos cuidadosas das mulheres e homens buscam pela matéria-prima de uma das maiores riquezas do artesanato tocantinense, o capim dourado. Realizada uma vez por ano pela comunidade quilombola Mumbuca, localizada na região turística Encantos do Jalapão, a colheita do Capim Dourado é uma tradição passada de geração para geração.

Para celebrar o período em que o verde do capim se transforma em um dourado vivo e defender a preservação e o manejo do Capim Dourado, os moradores realizaram uma grande festa com uma programação diversificada, que marcou o início da colheita.

Com o apoio do Governo do Tocantins, por meio da Agência de Desenvolvimento do Turismo, Cultura e Economia Criativa (Adetuc), as comemorações contaram com cavalgada, campeonato esportivo, desfile de peças feitas de capim dourado, emissão da Carteira Nacional de Artesão, além da apresentação do vestido de Capim Dourado, produzido para o Miss Brasil, bate-papo com o estilista Luis Fernando e apresentações teatrais, circenses e musicais com artistas regionais.

A quilombola da comunidade Mumbuca e presidente da Associação dos Artesãos, Railane Ribeiro da Silva, ressaltou a importância da festa. “É uma forma que temos de agradecer por essa benção que é o capim dourado para a nossa comunidade. Ele transformou a vida do nosso povo e, todos os anos, temos mantido essa tradição. Contar com o apoio do Governo do Tocantins, via Adetuc, é muito importante e nos sentimos honrados por valorizarem nossa cultura e tradição”, afirmou Railane Ribeiro da Silva.

Uma dos nomes mais referenciados da comunidade, Noêmia Ribeiro da Silva, popularDoutora, revela que a festa tem ganhado cada vez mais destaque. “É lindo ver todo o apoio que estamos tendo nesta festa, pois é algo especial pra gente. Hoje, todo mundo conhece o capim dourado e a comunidade Mumbuca. Motivo de grande alegria”, descreve a artesã de 69 anos, também conhecida pelo dom de fazer remédios por meio das raízes de plantas nativas.

Ao participar das festividades, acompanhado do superintendente de Cultura, Relmivam Milhomem; e da superintendente de Desenvolvimento do Turismo da Adetuc, Maria Antônia Valadares; o presidente da Adetuc, Jairo Mariano, evidenciou a importância da integração do turismo e da cultura, no fortalecimento da economia local e do turismo de base comunitária. “O Estado do Tocantins tem como símbolo do seu artesanato o capim dourado produzido na comunidade Mumbuca. Valorizar essa tradição tem sido o foco do governador Mauro Carlesse e temos trabalhado para mostrar o nosso artesanato e trazer melhorias e qualidade de vida para as comunidades”, ressaltou Jairo Mariano.

Momento único

Exposto durante a festa, o vestido de capim dourado, produzido pelo estilista Luiz Fernando Carvalho, ganhou destaque ao entrar na passarela vestido pela jovem moradora do Mumbuca, Tayza Pereira. “Será algo que ficará para sempre na nossa história. Receber um vestido como esse todo feito de capim dourado é algo único. Todas as artesãs estão encantadas com o resultado desse trabalho”, completa a presidente da Associação dos Artesãos, Railane Ribeiro.

Mulher quilombola de 15 anos, Tayza Pereira, que deu vida ao vestido em uma apresentação à comunidade, ficou emocionada com os detalhes da peça. “Não tenho nem palavras para expressar esse momento. É especial levar junto comigo a história da minha mãe, das minhas avós e mostrar isso na nossa comunidade”, afirmou, ao dizer que um dos sonhos é ser modelo e levar a cultura quilombola às passarelas.

Festa da Colheita do Capim Dourado evidencia tradição e cultura quilombola
Com diversas ações, Governo do Tocantins, por meio da Adetuc, apoia Festa da Colheita - Flávio Cavalera/Governo do Tocantins
Festa da Colheita do Capim Dourado evidencia tradição e cultura quilombola
Jovem quilombola, Tayza Pereira, desfila de vestido de capim dourado - Flávio Cavalera/Governo do Tocantins
Festa da Colheita do Capim Dourado evidencia tradição e cultura quilombola
Apresentações artísticas e culturais resgatam tradições do quilombo - Flávio Cavalera/Governo do Tocantins
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários